Enquanto Personal Trainer lido muitas vezes com questões relacionadas à motivação.

‘Raquel, quero começar a treinar mas não tenho motivação.’

Antes de mais quero deixar-te bem claro que ninguém se sente motivado todos os dias, nem para treinar nem para cumprir com as obrigações normais da vida! É NORMAL! É por isso que digo constantemente que se dependermos da motivação não vamos muito longe ?

Ainda assim preparei algumas dicas que te podem ajudar quando passas por uma fases de maior desmotivação.

Por isso vá, senta-te e lê com atenção, espero que no final te tenha dado algumas ferramentas para teres motivação, para a potenciares e manteres! (Sim porque… uma boa intenção sem uma atitude não passa disso mesmo!)


1. Estabelece uma meta tangível e REALISTA! – I CAN DO THIS! ?

Tem uma conversa contigo mesma/o, percebe o que te incomoda neste momento, seja a nível estético ou de saúde e estabelece a tua meta. 

Hey mas espera, vamos por partes… Pensa no teu objetivo final (a longo prazo)... Já está? 

Ok, então agora vamos aos baby steps… Determina como gostarias de te ver e sentir já daqui a 3, 6 ou 8 meses (de forma realista). Já pensaste? Ótimo…

Então agora só falta determinares o teu caminho para lá chegar, foca-te nele e não te desvies!


2. Cria um ambiente favorável para seres bem sucedida! YES YOU CAN! ?

Uma ótima estratégia para arrancares de uma vez com os treinos é saberes que treinos curtos e apenas alguns dias por semana são formas mais do que válidas para começares esta tua jornada!

Ajusta o teu treino, local e duração do mesmo conforme as tuas rotinas de escola/trabalho/família. 

Não tens muito tempo para ir ao ginásio? TREINA EM CASA!

 Não consegues 30min. do teu dia para o treino? FAZ UM TREINO MAIS CURTO! 10 minutos a uma boa intensidade são tudo o que precisas para começar. Espreita a secção EXPRESS na tua Boost Plan... vais ficar surpreendida! 

Não consegues treinar 4 dias na semana? QUAL É O PROBLEMA?! COMPROMETE-TE COM 2! Será infinitamente melhor do que treino nenhum!


3. Ginásio? Casa? – Qual deles? 

NÃO IMPORTA! Escolhe o sítio ideal para ti e que facilite a tua rotina.

 És aquela pessoa que sente maior conforto e confiança ao treinar em casa? ÓTIMO, até poupas algum tempo em deslocações. Ou por outro lado és aquela pessoa que não dispensa sair, ver outras pessoas e que até gosta do ambiente do ginásio? FORÇA, vai com tudo!

Vale lembrar que na Boost tens planos de treino para ambas as situações e podes até ir navegando de um para outro, conforme a tua rotina o dite!


4. Cria uma rotina – CHECK! ✅

Agora que já determinaste o teu local de eleição para treinar é hora de criares uma ROTINA!

Este é um dos pontos mais importantes, na minha opinião (e experiência).

Ter uma rotina é uma forma de te ‘obrigares’ a ir treinar mesmo nos dias em que tens vontade zero! 

Utiliza uma agenda e vai colocando certinhos à medida que vais cumprido com as tarefas diárias, é um boost incrível, dá uma sensação de missão cumprida! 

Mas atenção… Treinar agora faz parte do teu estilo de vida, no entanto, esta tua rotina deve ser o mais realista possível, não te queiras comprometer em treinar todo o santo dia quando sabes que a médio/longo prazo isso te vai trazer maiores probabilidades de desistir. MENOS É MAIS!


5. Documenta a tua jornada – ‘selfie mirror time’! ?

Tira fotografias mensais ou a cada 2 meses, para perceberes de que forma estás a evoluir. Garanto que vais adorar e vai servir como combustível para te manteres no foco.


6. Fica feliz com as pequenas evoluções – YEEII!! ?

Por mais pequenas que te possam parecer, elas mostram-te que estás no caminho certo. Portanto, aprecia e valoriza o teu esforço. CONTINUA!


7. Não reclames do teu estado atual – STOP IT! ?

Todas temos aqueles dias ‘NÃO’ mas de nada adianta te mandares ainda mais para baixo… Amiga tens todas as oportunidades para melhorar, queixares-te (seja por não teres a imagem que gostarias, teres comido o que não devias ou por teres perdido um treino na semana) apenas vai tornar o processo mais chato e desmotivador. Ao invés disso encontra força para agarrar mais uma oportunidade de melhorar, olha que ninguém o pode fazer por ti!


No próximo post trago-te mais dicas, depois disto aposto que vais começar e vais transformar a tua motivação em AÇÃO!